[FA] Derek Morgan

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FA] Derek Morgan

Mensagem por Derek Morgan em Qua Fev 03, 2016 11:29 pm




DerekMorgan

NOME /////////////Derek Morgan.

IDADE /////////////12/02/1984
Aquário



TENDÊNCIA /////////////Bondoso Leal.

MUSICA /////////////I Want To Protect You - Eels

HABILIDADES /////////////Combate corpo-a-corpo, Resistência Física, Força, Combate a Distância, Diplomacia, Agilidade.



CARGO /////////////
Agente de Campo.

FACECLAIM /////////////
Shemar Moore.


"I want to protect you,
I want you to be safe and sound".

PERSONALIDADE


Quem disse que não existem mais príncipes encantados? Derek é seu príncipe moreno montado em uma moto veloz. Ele é um cavalheiro perfeito, do tipo que abre a porta do carro para você descer. Não importa o quanto apanhe de uma mulher, ele jamais ergue sua mão ou sequer sua voz contra ela. É facilmente influenciável quando o assunto são suas amigas: se elas dizem que isso é melhor para ele, ele acredita sem analisar muito o assunto. Tem sérios problemas controlando sua força, e vive quebrando copos e entortando talheres.
É o menino de ouro dos olhos da mãe e o orgulho do pai, o que o transforma em uma pessoa extremamente familiar e muito centrada. Ele não procura mulheres somente para seu prazer, quer constituir família e ter um relacionamento sério e cheio de confiança. Quanto aos seus amigos, ele também é muito tranquilo. Costuma fazer amizade com os mais diferentes tipos de pessoas: do reservado até o extrovertido, do nerd até o seu professor de luta. É um ótimo amigo e está sempre disposto a ajudar, mas está sempre mais inclinado a ficar do lado da mulher na briga, o que às vezes lhe rende um sermão dos seus parceiros e colegas. Se tiver uma coisa que Derek Morgan não tem, essa coisa é a timidez. Ele é extrovertido, alegre e ama crianças.

HISTÓRIA



Derek é filho de uma latina com um afro-americano, ou seja, sua família é bem variada e sem preconceitos. Além disso, é uma família bem grande. Marilyn é a mãe dedicada e amorosa, que criou seus quatro filhos com todos os mimos que sua renda a permitia. William, o rigoroso e ainda gentil pai, era aquele que mantinha Morgan numa linha dura enquanto mimava as suas irmãs e o incentivava a fazer o mesmo: para William, o valor de um homem se media em como ele tratava as mulheres à sua volta. Margôt, a segunda filha por dois minutos de diferença de Morgan, era a revoltada da família: embora seu pai tentasse a criar como uma princesa, ela estava mais para soldada. Margareth, ou mais comumente Maggie, é a princesa da família e terceira filha, três anos mais nova do que Morgan e Margôt. Marcelline é o equilíbrio e a razão: muito inteligente e nem muito revoltada, nem muito meiga. Ela é a irmã predileta de Morgan, com uma leve influência por ser a caçula, cinco anos mais nova.
Marilyn e William eram extremamente felizes: eles tinham quatro filhos ótimos, perfeitos e inteligentes, uma casa própria, uma renda fixa e um filho que ia crescer forte e proteger as irmãs com todas as suas forças. Quando Morgan fez cinco anos, William decidiu que ia colocá-lo no boxe, e assim o fez. Quando ele fez dez, além de boxe, praticava Jiu-Jítsu. William tentava, com sucesso, colocar os seus valores na cabeça do seu filho.
- Não vou lhe colocar em lutas para que você saiba bater por bater, meu filho. – ele disse, sério, quando avisou a Morgan que ele iria lhe colocar no boxe aos cinco anos – Temos quatro mulheres para proteger: a Maggie, a Margôt, a Marcelline e a sua mãe. De que adianta ser um homem, se você não pode proteger aqueles que lhe são preciosos?
- Mas pai... Mulheres também sabem lutar. – disse o Morgan de cinco anos.
- Elas sabem... Mas o nosso dever é fazer que não precisem. – William bateu no ombro do filho de brincadeira – Assim sobra mais tempo para que elas se divirtam.
- E por que eu não posso me divertir? – perguntou ele.
- Ser capaz de proteger as pessoas que você ama... Ser útil quando alguém precisa. São as maiores diversões do mundo. – ele lhe lançou um sorriso.
O patriarca da família Morgan era um homem forte e prevenido, mas nem ele podia prever o que ia acontecer. Um dia, quando Derek tinha doze anos, a casa dos Morgans foi assaltada. Quando um homem colocou a arma na cabeça de Marilyn, William tentou o desarmar e acabou levando um tiro. O tiro chamou a atenção dos vizinhos, que chamaram a polícia, e o ladrão foi pego, com algum esforço. Desde aquele momento, Morgan começou a entender o que o pai tinha dito: e se fosse sua mãe? Ou uma de suas três irmãs, ali, sangrando? William gritou quando as mulheres da família choraram, ele disse que era só um arranhão. Não voltou a ser exatamente o que era antes, mas ele continuava bem. E isso tinha servido para despertar definitivamente o interesse de Morgan.
Aos quinze anos, Derek já era o adolescente mais musculoso da escola, mas mesmo assim vivia cercado de pessoas: sua personalidade era simplesmente afável, e ele era muito bom com as meninas. Ele consolava aquelas que choravam, separava brigas, ajudava em qualquer coisa que precisassem e viva carregando objetos pesados de um lado para o outro, para qualquer um que precisasse. Além disso, ele tinha uma melhor amiga incrivelmente bonita e simpática, o que aumentava ainda mais a sua popularidade entre os garotos.
Eles eram vistos por toda parte juntos, rindo e simplesmente fazendo programas juntos. Apesar disso, Derek se apaixonou algumas vezes, sempre sob a vigilância da sua melhor amiga: se ela não aprovava, ele não podia namorar a garota. Embora fosse enorme e forte, ele simplesmente não discutia com a morena e a deixava fazer esse tipo de coisa, pois confiava inteiramente nela. No entanto, ela deixava as namoradas de Derek inseguras e elas pediam que ele parasse de andar com ela. Com delicadeza e educação, Morgan as dispensava. Ele não gostava de pessoas ciumentas ou possessivas desse tipo, até porque elas não entenderiam sua necessidade de estar perto das mulheres em geral, ajudando.
Ele chegou a cogitar ser médico, mas apesar de forte, sabia reconhecer que simplesmente não era inteligente a esse ponto. Além disso, ele tinha problemas para estudar. Seu pai lhe sugeriu a polícia, que foi uma ideia recebida com entusiasmo pelo enorme lutador. Quando entrou na polícia, Derek era o homem mais feliz do mundo: ele estava feliz por poder ajudar, e por sentir que estava fazendo a coisa certa. E, apesar de sempre se esforçar muito, arranjava ainda momentos para suas irmãs, sua mãe e sua melhor amiga. Com o passar dos anos, o vai e vem de namoradas foi diminuindo. Ele já não tinha mais tanto tempo livre assim: estava crescendo dentro da polícia.
Um dos momentos mais difíceis da vida de Morgan foi quando sua melhor amiga começou a se afastar dele. Porém, ele não podia reclamar: era para isso que ele existia, para facilitar a vida dela e para que ela pudesse se divertir. Apesar de tudo, isso lhe ajudou muito em termos de carreira: desde os vinte dois anos ele tentava entrar para o FBI e não conseguia. Com vinte e cinco, ele finalmente passou nos exames e ingressou na carreira tão sonhada. Sua família estava mais orgulhosa do que nunca, mas só havia uma sombra nessa vida perfeita: seus parentes eram as únicas pessoas que estavam perto dele. Ele sentia falta de sua melhor amiga e estava começando a ficar carente.
Quando ela voltou e eles ficaram juntos novamente, alguns problemas aconteceram. Mas, por fim, eles se acertaram e voltaram à velha amizade e lealdade que existia desde os seus seis anos. Ele também decidiu que iria começar a buscar somente relacionamentos sérios dali em diante: ele queria alguém para proteger, acima de todas as outras. Ele queria alguém para olhar como o seu pai olhava para a sua mãe, alguém para chamar de “minha” assim como suas irmãs já estavam sendo chamadas. Quando Margôt casou, foi o ponto final: Derek Morgan iria dedicar mais tempo a conhecer mulheres.

CURIOSIDADES


♦ É melhor amigo de Dominika.
♦ Não gosta que lhe chamem de Derek.
♦ Tem raiva de homens rudes com mulheres, e especialmente daqueles que batem em suas esposas.


avatar
Derek Morgan
Time Quatro
Time Quatro

Idade : 33
Localização : Workin' out.
Aquário
Ficha do personagem
Grau : 2ª
Tend&Leald: Bondoso Leal.
Cargo: Líder de Equipe, Agente de Campo.

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [FA] Derek Morgan

Mensagem por Director em Qui Fev 11, 2016 6:30 pm

Avaliação

F I C H A   A C E I T A 

Bem vindo ao FBI, Agente Morgan!
Sua inscrição foi aceita, e sua ficha é extremamente contagiante. É fácil entrar para a pele de Derek e compreender exatamente suas teorias. Os textos são curtos, mas suficientes para pescar a essência do personagem, aconselho que trabalhe bastante os aspectos mentais dele durante as interações, pois por hora, ele está um pouco vago. Esforce-se para demonstrar exatamente quem ele é nos turnos, recomendo até que faça isso em primeira pessoa, para facilitar tanto a você quanto aos leitores, referente  ao compreendimento do Morgan.

Suas habilidades recomendadas são as seguintes;
[40/40]
H A B I L I D A D E S   F Í S I C A S;
Força: O8 | Resistência: O7 | Agilidade O4
H A B I L I D A D E S   M E N T A I S;
Raciocínio: O2 | Estratégia: O1 | Diplomacia: O5
H A B I L I D A D E S   D E   C O M B A T E;
Corpo-a-Corpo; 1O | Á Distância: O3

Esta é uma box de habilidades bem difícil de distribuir, pois o personagem é completamente voltado para as habilidades físicas e de combate, mas, é obrigatório que os agentes do FBI não sejam completos asnos. Minha recomendação é que pondere bastante caso for manter essa box de habilidades. Não aconselho que deixe os pontos de agilidade altos, pois o seu personagem é grande demais. Boa sorte!


Divirta-se, Director.

▲▼

avatar
Director
Patrão
Patrão

Idade : 56
Gémeos
Ficha do personagem
Grau : 1ª
Tend&Leald: Neutro Imparcial
Cargo: Director Of the Federal Bureau of Investigation

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum